quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Globo pretende reprisar "Páginas da Vida”


Com a reprise de "Mulheres de Areia" se estendendo até um pouco depois do Carnaval, a Globo já está se mexendo para definir a próxima novela do "Vale a Pena Ver de Novo".

O objetivo da emissora é reprisar "Páginas da Vida", que por sinal estava cogitada para ocupar o lugar de "O Clone" no começo do segundo semestre deste ano. Outras novelas como "O Profeta", "Cobras & Lagartos" e "Belíssima" também estavam no páreo embora houvesse a tendência da escolha de um produto mais forte para bater de frente com as Olimpíadas de 2012 da Record.

Originalmente, "Páginas da Vida" tem classificação indicativa de 14 anos, ou seja, não poderá ir ao ar antes das 21h. Entretanto, a Globo enviou um pedido de reclassificação ao Ministério da Justiça e busca obter classificação livre ou para maiores de 10 anos, o que torna adequada a sua exibição em qualquer horário do dia.

Nos bastidores da Globo, cogita-se que a edição da novela de Manoel Carlos esteja sendo feita nos moldes da versão exibida no exterior, com apenas 150 capítulos. Este seria um número suficiente para dar agilidade ao texto e ao mesmo tempo eliminar as cenas consideradas mais fortes e inadequadas para o horário da tarde.

"Páginas da Vida" conta a história de Nanda (Fernanda Vasconcellos), uma brasileira que trabalha no exterior e que acaba engravidando de seu namorado Léo (Thiago Rodrigues). Ela volta ao Brasil sem Léo e é humilhada por sua mãe Marta (Lília Cabral). Em uma das brigas, ela sai de casa e, aos prantos, deixa de prestar atenção no trânsito e acaba sendo atropelada. Seus filhos acabam se salvando e uma delas tem síndrome de down.

Marta, querendo fugir da responsabilidade de criar e educar uma criança portadora de síndrome de down, decide abrir mão dele sem que a família saiba. A médica Helena (Regina Duarte) passa a cuidar do bebê.

"Páginas da Vida" foi produzida em 2006 e teve média geral de 47 pontos, considerada bastante satisfatória para o horário. O Ibope recorde foi alcançado no dia do velório de Nanda, quando a média foi de 56 pontos e o pico de 60.

A direção ficou sob os cuidados de Jayme Monjardim e Fabrício Mamberti (ambos atualmente em "A Vida da Gente").

Fonte: Na Telinha

2 comentários:

  1. adorei a escolha her muito foda essa novela

    ResponderExcluir
  2. buá,buá...mulheres de areia já vai acabar....

    ResponderExcluir